Trupezonadeteatro em Gravataí

#AconteceuAqui
Na última semana de agosto, Tive o privilégio de acompanhar a Trupe Zona de Teatro de Porto Alegre, que veio a Gravataí para ministrar a Oficina “Zona de Investigação da Palhaçaria” e também apresentar o espetáculo “Enfim Sós – Uma Tragicomédia Clownesca”.  Confira!
A semana iniciou na terça feira (23/08), com a chegada da Trupe e primeiro dia da oficina “Zona de Investigação da Palhaçaria” ministrado por Melissa Dornelles e Fábio Castilhos, no Teatro do Sesc Gravataí, lugar onde os artistas cênicos do município se encontraram para a introdução e vivência na arte clown. Foram três dias intensos de muitas atividades e técnicas desenvolvidas para os artistas que puderam se desligaram da arte convencional para se conectar na arte do palhaço, que vai muito além do que conhecemos!

“Ser palhaço não é só colocar um nariz vermelho, uma roupa engraçada e saber contar uma piada. O palhaço é um arquétipo social e sua função é muito séria, sincera e respeitosa. Ele é a representação da falibilidade humana, do fracasso, da inadequação, do ridículo que existe em cada um de nós, do ridículo que é presente na sociedade. “Ele não representa. Ele é”, Jacques Lecoq.” (trecho do site:www.fascs.com.br/operacao_de_riso)

Para encerrar com chave de ouro a semana, na sexta-feira (26/08), a Trupe Zona de Teatro apresentou o espetáculo “Enfim Sós – Uma Tragicomédia Clownesca”, no palco os atores Fábio Castilhos e Melissa Dornelles apresentam a história de amor entre J.J. e Roliça, desde o encontro, casamento e até a velhice, em cena exploraram muitas situações cotidianas da vida de casal, até mesmo o ciúme. Os artistas ainda leram cartas, escritas antes da peça pela plateia, com histórias de amor nada convencionais, e deram vida improvisando em cena, um rapaz na plateia ainda pediu para contar sua história, foi convidado a subir ao palco, sentou-se e contou para os atores que prontamente deram vida a uma história linda de amor e superação.  Foi de lavar a alma, demos muitas risadas com a peça do inicio ao fim.

Uma palavra que resume esta semana é Gratidão!

À Cia Teatral Una de Gravataí, por apresentar a Trupe Zona de Teatro ao Sesc, aos artistas do município que acolheram de braços abertos a Trupe porto-alegrense, também por darem tudo de si na Oficina, ao Sesc Gravataí por sempre apoiar os artistas gravataienses e contribuir ao desenvolvimento artístico e cultural da cidade, às Escolas do município que trouxeram seus alunos para assistir a peça, à plateia calorosa e muito participativa que se fez presente, e também a Melissa Dornelles, Fábio Castilhos  e Giovanna Zottis por este encantador trabalho da Trupe Zona de Teatro.  Muito Obrigado!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s